Blog Quintess - Fique por dentro de tudo sobre Moda, Beleza e muito mais

Kitty Cat, o petlove das mídias sociais!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Os gatinhos são mamíferos carnívoros, incrivelmente inteligentes e que tem um espacinho no coração de todo mundo, tanto que são o segundo animal de estimação mais popular do mundo (não sabemos como, mas os peixes são os primeiros rsrs).

Esses animais tão fofinhos, que ganharam tanto espaço nas mídias ultimamente, são os gatos domésticos, uma evolução dos gatos selvagens, menos agressivos e mais acostumados com a presença de humanos. Esse primeiro contato com os seres humanos teve os primeiros registros a mais de 9.500 anos atrás. Hoje em dia já existem mais de 250 raças de gatos domésticos, que variam de 2,5 a 12kg, considerados de pequeno a médio porte, podendo chegar no máximo aos 20 anos de idade.

Quando os humanos deixaram de ser nômades, e passaram a cultivar os próprios alimentos, as plantações fizeram com que o número de roedores e animais de pequeno porte aumentassem, fazendo assim com que os gatos fossem mais frequentes e fizessem parte do dia a dia dessas famílias de agricultores.

Por serem animais com tanto instinto, são ótimos caçadores, e em situação de caça se alimentam de pequenos animais e insetos. Na complementação de sua alimentação os gatos buscam por plantas também. Inclusive os donos dos gatinhos devem ficar atentos a isso, pois algumas plantas podem ser venenosas a eles.

O comportamento dos nossos queridos bichanos, incrivelmente, é herança genética também! Os gatos com pelagem mais curta e mais magricelos, são tendenciosos a serem mais ariscos e ativos, e os mais peludinhos (os nossos preferidos), mais calmos e preguiçosos. Mas independente de sua genética, algo é impossível de discordarmos, todos eles são extremamente curiosos, tanto que daí nasceu a expressão “a curiosidade matou o gato!”, que convenhamos, todo mundo já escutou pelo menos uma vez na vida.

E para quem ainda não está convencido que os gatos são definitivamente ótimos animais de estimação, vamos listar aqui algumas vantagens que trazem você ter seu próprio gatinho: previne asma, reduz estresse (essa a gente já sabia né rsrs), reduz risco de problemas cardiovasculares, diminui a chance de desenvolver alergias, melhora o sistema imunológico, ajuda na depressão, reduz ansiedade e melhora o humor.

E aí, já decidiu qual gatinho vai adotar e quantos? Conta pra gente nos comentários!